Mamy Antenada: Diário de Uma Gestante do Coração - Descaso 2!

Diário de Uma Gestante do Coração - Descaso 2!

Olá!

As vezes me sinto num quarto escuro, aquele realmente escuro, em que não se enxerga um palmo na frente do nariz, e sem saber pra onde ir começo a tatear as coisas, mas sempre com o frio na barriga sem saber onde vai tocar!

As vezes me sinto naquele sonho, em que você tem um telefone nas mãos e precisa urgentemente ligar para um numero, e você digita sempre um numero errado e não consegue completar a ligação.

As vezes parece aquele sonho em que você tenta gritar mais não consegue, a voz não sai e você fica ali, com aquele frio na barriga, torcendo e rezando para que você consiga, ou que você acorde e veja que realmente estava sonhando.

É assim que eu me sinto toda a vez que ligo para a Vara de Infância e Juventude para saber do nosso processo de Adoção. Literalmente um frio na barriga me consome, pois nunca sei qual vai ser o "presentinho" ou atraso no processo da vez.

Como já contei pra vocês pedimos a transferência de comarca, pois nos mudamos, e segundo informações da Assistente Social éramos obrigados a solicitar, sob pena de ser indeferida a nossa futura adoção caso nos chamassem e constatassem que estávamos em outra comarca.  Após a solicitação nosso processo está parado desde o dia 17/03/15 no Cartório da Vara de Infância para a averbação da sentença da Juíza (não sei se averbação é o termo correto, não entendo muito desses termos jurídicos), e quando pedi informações a respeito de quanto tempo isso levaria, qual era o prazo estabelecido, simplesmente me informaram que seria feito quando tivessem tempo, que a mesa da pessoa que fazia isso estava atolada de processos.

O que fazer com uma informação dessas depois que seu processo de habilitação levou 2 anos e 9 meses para ser concluído por falta de pessoas para dar andamento e acúmulo de processos?!

Mais uma vez tive vontade de sentar e chorar, mas engoli o choro pois estava no meu trabalho.

Liguei para a Comissão Estadual Judiciária de Adoção para ver se conseguia ter uma luz, mas consegui escutar mais frases dilacerantes para o meu coração gestante. Primeiramente que não saberia me informar qual é tempo preconizado para as transferências de comarca, que dependeria da quantidade de trabalho existente na comarca. Pensei com meus botõezinhos, se já demorou 2 anos e 9 meses para a habilitação agora vai mais quantos? uns 6 meses?
Sem falar que: ESTAMOS NO LIMBO! Pois já foi solicitado pela a Juíza a retirada do nosso nome da lista da comarca de Florianópolis. 
Nós estamos habilitados e estamos aonde? Em que lista? Não me importa se vai demorar mais meio século para nos chamarem, NOSSO NOME tem que estar em alguma lista, pois se estamos habilitados.
Além de ter escutado que não havia prazo definido para transferência, ainda tive que escutar que o problema na demora para a adoção é dos pretendentes, que querem crianças até 5 anos (que já não é mais considerada adoção tardia viu!!!). 

Oiiii?? 
Culpa dos pretendentes??
Nessa hora quase tive vontade de mandar a mulher à Merda! (desculpe aí, mas só de pensar na voz dela me ferve o sangue!).
A culpa não é dos Pretendentes não Minha Digníssima Senhora!
A culpa é de um sistema falho, um sistema sem profissionais suficientes para tratar de CRIANÇAS acolhidas e de pais que estão querendo dar amor, constituir suas famílias, independente de que idade sejam, apenas definido pelo coração, o que acolher com amor, sinceridade e respeito, não empurrados por um sistema que "leva esse que vais ficar na fila menos tempo".
A culpa é de um sistema onde há regras e deveres para os pretendentes e nenhuma para o "sistema", pois pra nós os prazos devem ser cumpridos à risca, mas para o sistema quando der tempo.
A culpa é de um sistema onde se dá 1001 chances para a família biológica e 1 chance para a família adotiva.

Só para lembrar que milhares de crianças são levadas para abrigos e passam a vida toda lá, nesse tenta e retenta de inserção á família biológica, muitas chegam bebês ainda. Mas muitas vezes o período de 2 anos, que é o período máximo que a criança pode ficar no abrigo, se estende por muito mais. E aí, o que podemos falar disso?! Não é tão bonito bater no peito e falar que: "Nós preconizamos o melhor para o bem estar da criança!".
TODA A CRIANÇA MERECE E NECESSITA CONVIVER COM A FAMÍLIA, receber o amor, a atenção, o carinho e os ensinamentos dos pais, se isso é negado à eles pela família biológica, o porque de tanta insistência por situações que já estão fadadas ao fracasso?!
FAMÍLIA ADOTIVA TAMBÉM É FAMÍLIA.

Queremos ser tratados com respeito, por profissionais que entendam nossa angustia da espera, que não nos julguem por ter escolhido tal ou tal idade, e não nos tentem persuadir com a tal frase: "Se for de tal idade é mais rápido!", e claro que seja respeitado os prazos legais para todo o processo!

Bj Bj


  

6 comentários:

  1. Pri, se isso serve de consolo, passei pelo mesmo problema que vc! Fui habilitada no final de 2011, mas aí mudei para uma cidade próxima e o processo de transferência levou quase um ano!! Solicitei a mesma em fev/12, e apenas em jan/13 é que entramos na nova comarca. Foi um período muito angustiante, pois apesar de habilitada, não estava em nenhuma fila!
    Felizmente, no fim deu tudo certo. Ainda não fomos chamados para a adoção, mas estamos na fila. Ah, e nós fomos inseridos no cadastro de acordo com a data de habilitação! Apesar da demora, deu tudo certo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É triste e angustiante esse processo, quando acontecem essas coisas!
      Sei que no fim tudo acaba bem, mas uma gestação tranquila é o que merecemos, hehe!!
      Que Deus nos abençoe com nosso filhotes né Marina!!
      Muita luz e alegrias pra você!!
      Bj Bj
      Pri Aitelli

      Excluir
  2. Oi Pri. Estou na mesma situação que você. Já estou habilitada, mas mudei de cidade e meu processo foi transferido e agora esta na mesa do juiz. Não sei quanto tempo levará, mas essa espera é muito sofrida. Não seria mais simples se os já habilitados que fossem transferidos de comarca só precisassem ser inseridos no Cuida da comarca nova? Já passamos por todas as etapas, pq temos que passar outra vez por quase todo o mesmo processo? É muita burrocracia!!! Mas vamos torcer para não demorar tanto. Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Elisandra!!
      Pois é, seria tão mais simples e tão menos "traumático" e burocrático para as famílias não é?
      Se Deus quiser tudo entra nos eixos novamente né Elisandra, e espero que logo logo estejamos com nossos milagrinhos nos braços!!
      Grande beijo no seu Coração!
      Pri

      Excluir
  3. Boa sorte pra vc Pri!
    Que Deus nos ajude a superar as dificuldades e encontramos nossos filhotes!
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amém Marina!!
      Que Deus sempre nos guie!!
      Bjuuuus no seu coração gestante!!!

      Excluir