Mamy Antenada: Engravidar ou garantir a possibilidade de gravidez?

Engravidar ou garantir a possibilidade de gravidez?

Olá Pessoal,

Como já falei para vocês, as redes sociais me fizeram conhecer e trocar ideias com pessoas incríveis, e adoooooro essa troca de experiências. E no twitter (@MamyAntenada)troco muita informação com a Fundação IVI, que é mega especializada em Reprodução Humana Assistida. 
O IVI tem sede em Valência, na Espanha, o Instituto iniciou suas atividades em 1990. Possui 23 clínicas, em 7 países e é líder europeu em medicina reprodutiva. O grupo conta com uma divisão genética (IVIOMICS), uma Fundação, um programa de Docência e Carreira Universitária.
Desde 2010 está no Brasil, em Salvador e desde 2012, o instituto chegou a São Paulo. Em ambas as ocasiões, através de parcerias com especialistas já consagradas no país (respectivamente Dra. Genevieve Coelho e Dra. Silvana Chedid). 
Com essa troca de informações, até para tentar desvendar os pontos de ??? que rondam a minha cabeça, muito atenciosos me enviaram alguns artigos para compartilhar com vocês!!!
Achei bem legal começar com esse... já que estamos no começo do ano e os planos (se já não foram) estão sendo escritos!
Então se você pensa em engravidar, mesmo que seja em algum dia (futuro próximo ou distante) é bom começar a pensar nas possibilidades!!

PLANOS 2014 : Engravidar ou garantir a possibilidade de gravidez?

• A queda da fertilidade feminina, acentuada a partir dos 37 anos, é um fato mesmo para mulheres saudáveis e em boa forma.

• Especialistas em reprodução humana do IVI esclarecem que entre os 30 e 35 anos é a melhor idade para preservar a fertilidade.

“Muitas mulheres percebem tarde que a vitrificação de seus óvulos poderia ter evitado a necessidade de contar com óvulos doados para conseguir engravidar no futuro, principalmente após os 37 anos” – garante Dra. Silvana Chedid, especialista em reprodução humana e diretora da clínica IVI São Paulo - “atualmente cerca de 20% dos tratamentos que realizamos no Brasil são fertilizações com utilização de óvulos doados, e na Espanha, país de origem do grupo IVI, este número chega a 50% dos tratamentos realizados”.

A sociedade difunde a ideia que engravidar é algo fácil, no entanto o fato é que em cada período fértil do ciclo feminino a possibilidade de gravidez é apenas 25%, diminuindo com o avanço da idade. A possibilidade acumulada de gravidez, após um ano de relações sexuais sem prevenção é cerca de 90%, por isso um ano é o tempo recomendado para procurar ajuda de um especialista em reprodução humana no 
caso de ainda não ter conseguido levar uma gestação até o nascimento de um filho ou filha.

Do ponto de vista genético, o melhor momento para a mulher engravidar está entre os 20 e 25 anos, porém entre os 30 e 35 normalmente a qualidade dos óvulos ainda não é ruim. “Por isto é o período ideal para engravidar ou preservar a fertilidade, já que antes desta idade ainda existe a possibilidade de decidir engravidar naturalmente”, recomenda Dra. Genevieve Coelho, especialista em reprodução humana e diretora do IVI Salvador, que cita pontos importantes sobre a fertilidade:

• Manter o peso dentro do ideal – Estar acima ou abaixo do peso normal - IMC de 20 a 25 - prejudica a fertilidade e a capacidade de levar uma gravidez até o nascimento do bebê.

• Não fumar – fumar é altamente prejudicial à fertilidade feminina e masculina. As fumantes têm uma reserva ovariana de 30 a 40% menor que as não fumantes.

• Se já está planejando engravidar, é recomendável aumentar o consumo de alimentos que contenham ácido fólico para reduzir o risco de má formação do feto, além de fazer um check up sobre as vacinas, a tensão e a diabete.

• O anticoncepcional não prejudica a fertilidade, o que pode ocorrer é que muitas mulheres quando deixam de tomar o anticoncepcional podem já estar vivendo a queda da fertilidade em consequência da própria idade ou que o anticoncepcional tenha mascarado um problema de fertilidade já existente.

• Os homens também sofrem a queda da fertilidade, a idade de seu declínio é a partir dos 50 anos. Pesquisas recentes da universidade de Harvard comprovaram que homens com uma dieta baseada em produtos açucarados, carne e bacon possuem 30% menos espermatozoides em comparação com os que se alimentam de produtos saudáveis como peixe e frutas.

Se 2014 ainda não é o ano em que planeja engravidar e a perspectiva aponta que o momento ideal será após os 35 anos, preservar a fertilidade é uma opção recomendável. Preservar a fertilidade consiste em vitrificar óvulos ou sêmen, que podem permanecer neste estado por tempo indeterminado. “Com óvulos 
jovens a possibilidade de gravidez de mulheres com mais de 40 anos é similar a de mulheres mais jovens através da técnica de fertilização in vitro, ou seja, ao redor de 63% por tentativa” – concluem as especialistas. 

(São Paulo, 13 de janeiro de 2014)

Imagem Google


Mais informações:
Sirlene Zamboni Cervera: (11) 9418 9484
IVI: Salvador (71) 3014-9999; São Paulo (11) 3266 7733
Twitter: @BrasilIVI


Bj Bj




2 comentários: