Mamy Antenada: Dia a Dia de uma "Tentante"

Dia a Dia de uma "Tentante"

Resolvi escrever um pouquinho hoje, escrever para as futuras Mamys que estão na luta por seu bebê, pela sua gravidez ou também pela gravidez do coração (Adoção), assim como eu.
Por experiência própria, não é fácil esperar por algo que se quer tanto! Então nunca diga a uma mulher que está tentando engravidar: “Relaxa, quando você desencanar você engravida!”. Somos crianças a espera do Natal ou do Dia do Aniversário!
Desencanar é algo que não fazemos! Esperamos mês a mês, já sabemos ler perfeitamente os sinais do nosso corpo, quando estamos ovulando, quando estamos irritadas (já sinal da TPM), as colicazinhas quase imperceptíveis anunciando que a menstruação está por vir!
Como desencanar? Se tudo que nos envolve reporta ao nosso sonho de ser mãe.
Por experiência própria, a pessoa que quer engravidar faz de TUDO para que isso aconteça, mesmo quando está suuuuuper cansada de ser revirada do avesso para descobrir o que está acontecendo com o seu corpo que a gravidez não está se materializando.
Procuramos respostas do “por que não”, resposta na ciência e na espiritualidade.
O que nos conforta um pouco é a fé e o apoio da família e amigos. Então família e amigos, nunca digam aquela frase acima: “Relaxe...”, e também não fique toda a hora perguntando sobre o assunto, quando a futura Mamy se sentir a vontade ela falará na boa, porque muitas vezes a Mamy está passando por um momento mais sensível e cutucar nesse assunto dói!

Então Mamys que esperam a gravidez digo para nunca perderem a FÉ, seus anjinhos estão se preparando para vocês!

Para compartilhar com vocês um pouquinho da minha experiência de tentante é a seguinte: tentamos engravidar a 5 anos, não engravidamos naturalmente. Tenho endometriose (fiz 2 cirurgias para retirada de focos), com o meu marido tudo OK. Fizemos 4 Inseminações Artificiais, 2 com sucesso, mas a gravidez não evoluiu (perdi com 8 semanas e o outro com 4 semana). Fizemos um montão de exames para verificar se havia alguma incompatibilidade, e o Cross Match verificou que meu organismo “ataca” as células do meu marido (voltarei a escrever sobre esse assunto – algo mais técnico – se conseguir a Dica do Especialista sobre o assunto), então estou na 2 dose de uma vacina feita com as células do Maridão (ILP – Injeção de Leucócitos Paternos). Depois da terceira dose e de um novo exame Cross Match, para ver se meu organismo reagiu, partiremos para mais um procedimento, estamos pensando na fertilização. Aaah, enquanto isso estamos a 1 ano com o pedido para entrar na fila de Adoção, mas até agora não vieram fazer o tal estudo social, apenas fizemos o curso solicitado pela Vara de Infância e Juventude (a justiça é lenta para quem espera!).

Vários assuntos aqui serão abordados separadamente, com a parte técnica e também os fatos reais, o que realmente acontece na vida de uma Mamy tentante!


                                                      O Presente de Deus que esperamos!


Bj Bj

Pri Aitelli

2 comentários:

  1. Olá meninas! Parabéns pelo blog maravilhoso, estou lendo aos poucos, muito interessante!
    Compartilho a ansiedade por um bebezinho, também tive endometriose e só agora com 36 anos vou ter meu primeiro fiho. Cada etapa, um aprendizado. Mas com uma ceretza sempre: o acontece é sempre o melhor que podia acontecer, é para o nosso bem e para nossa evolução. Bjos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii Jana...
      Que ótimo que apareceste por aqui, mto mto feliz!
      Logo logo colocaremos ideias para chá de bebê (vais fazer o teu né?!)...
      Bj Bj
      Pri

      Excluir